Visita à Kidzânia

   No dia 9 de junho fomos à Kidzania, que é a uma cidade de crianças.

kidzania27

Kidzania1

kidzania3

kidzania2

    Lá existem ruas e edifícios e muitas profissões que podemos experimentar em diferentes instituições e lugares, como na televisão, na farmácia, na pizzaria, na polícia, nos bombeiros, no hospital, no supermercado, na fábrica de Chocapic, na fábrica de sumos, na perfumaria, na imprensa, no tribunal, numa agência de viagens, etc.

kidzania12

kidzania10

Partimos de autocarro que partia às 6 horas para ir para Lisboa. Parámos numa estação de serviço onde lanchámos e chegamos à Kidzânia por volta das 10 horas.
Quando chegámos à Kidzania comemos e deram-nos uma pulseira eletrónica para não podermos sair do edifício e não nos perdermos.
Primeiro tirámos uma fotografia com toda a turma e as professoras.
A seguir fomos ao banco onde nos deram 50 kidzos que é o dinheiro da Kidzania.
A seguir separámo-nos para experimentar cada profissão ou fazer compras e outras actividades.
Em cada profissão ganhava-se 10 ou 8 kidzos e nalgumas pagava-se 2 kidzos. Quando comprávamos alguma coisa ou fazíamos alguma actividade de diversão (por exemplo, ir à discoteca, ao salão de jogos, etc.) tínhamos de pagar. Podíamos levantar dinheiro nas caixas de multibanco da Kidzania.

kidzania26

A Beatriz foi vender Coca-Cola e Powerade. Também trabalhou no Continente, onde esteve a repor as prateleiras. Na imprensa, fez um jornal. Depois foi à discoteca e na sala “dance” dançou diferentes danças com ajuda de uma instrutora. Na agência de viagens, fez marcações de viagens para Espanha. No Tribunal foi juíza e teve de decidir se condenava ou não o réu.

kidzania9

kidzania18

A Susana trabalhos na fábrica de Chocapic, nos bombeiros, na Escola de Culinária e outas de que já não se lembra.

kidzania5

A Érica foi à emergência do hospital, trabalhou na perfumaria, nos bombeiros, nos correios e vi um jogo de futebol.

kidzania7

A Joana trabalhou no supermercado, na escola de modelos, foi ao ginásio, foi jornalista.

kidzania22

Depois fizemos uma pausa para almoço que foram duas fatias de pizza, um bongo (sumo de oito frutas) e gelatina.

kidzania19

A seguir fomos fazer mais atividades.

kidzania6

kidzania4

kidzania11

kidzania14

kidzania13

kidzania16

kidzania15

kidzania20

kidzania17

kidzania23

kidzania24

kidzania25

Por fim, juntamo-nos e, ao sair, tiraram-nos as pulseiras eletrónicas e fomos para o autocarro para regressarmos a S. Brás de Alportel.
Foi uma visita muito divertida.

Beatriz, Susana, Érica e Joana

Uma manhã ativa

   Como já é hábito todos os anos, fizemos o encontro final do projeto “Escola Ativa”.
Fomos para o Pavilhão, onde estavam à nossa espera os professores de Educação Física do Agrupamento com estações preparadas para todas as turmas participarem.
Começamos por fazer uma corrida a pares com os pés ligados e a seguir fomos para dentro do pavilhão, onde realizamospercursos de deslocamentos e equilíbrios, badminton e dois jogos de apanhada: o do Caçador e o da Corrente.

ativa2

ativa1

ativa3

ativa4

ativa5

ativa6

ativa7

ativa8

ativa9

Depois viemos novamente para o exterior e fizemos lançamento ao cesto, o jogo do Rabo do Burro, a condução de uma bola com stick, o pontapé de precisão e terminámos numa estação em podíamos fazer várias actividades: andar de andas, o jogo do Burro, os esquis e o paraquedas.

ativa10

ativa11

ativa12

ativa13

ativa14

ativa15

ativa16

ativa17

ativa18

ativa20

ativa21

ativa22

Foi uma manhã muito ativa e muito divertida!!.

Encontro com o escritor Pedro Seromenho

Hoje encontramo-nos de novo com o escritor Pedro Seromenho. Ele contou-nos várias histórias e fez dois desenhos muito bonitos.

escritor1

escritor3

escritor2

escritor4escritor6

escritor8

escritor9

Depois de contar as histórias, o escritor respondeu a algumas perguntas de alguns alunos sobre a sua vida.
Ele disse-nos que morava em Braga e que a família paterna é dessa cidade do norte de Portugal, enquanto a sua família materna é de Vila do Bispo (no Algarve).
Ele era economista e trabalhava numa empresa, mas não se sentia muito realizado. Então começou a escrever para crianças e jovens e há nove anos que é escritor e ilustrador e visita as escolas e bibliotecas para apresentar/contar as suas histórias. E gosta muito do que faz.
Neste encontro ele transmitiu-nos algumas ideias muito importantes:
– a leitura é fundamental , pois desenvolve a nossa imaginação e a nossa criatividade; podemos “viajar” com os livros e “entrar” nas histórias;
– é bom sonhar para um dia concretizarmos os nossos sonhos, mas para isso, é importante trabalhar;
– devemos gostar do que fazemos e fazer as coisas com gosto e vontade;
– os sentimentos, como a amizade e o amor, são muito importantes.
No final, o Pedro autografou os livros que nós tínhamos comprado.

escritor11

escritor12

Um dia em cheio!!

Hoje foi um dia diferente!

  Para comemorar o Dia da Liberdade, fomos para o centro de S. Brás de Alportel pendurar os pássaros da Liberdade, com as nossas mensagens sobre a liberdade.

25abr2

25abr3

Todas as turmas participaram e os bombeiros ajudaram-nos nessa tarefa, porque algumas árvores eram muito altas.

25abr5

25abr1

25abr4

25abr8

  A professora Inês também ajudou, claro. Foi ela quem teve esta ideia.

25abr7
O Sr. Presidente da Câmara, o Sr Vereador e a diretora do nosso Agrupamento também estiveram presentes a até ajudaram a pendurar os pássaros.

25abr6

25abr18

  Fizemos também um minuto de silêncio em homenagem às crianças vítimas de maus tratos. Desejamos que todas as crianças sejam bem tratadas e  felizes.

25abr9

  À tarde, fomos ao museu fazer experiências com alavancas, roldanas e rodas dentadas.
Experimentamos levantar uma máquina que pesava 700 kg. Ela nem se mexeu!

25abr10

25abr11

  Mas com uma simples alavanca, todos conseguimos. Fantástico!

25abr12

25abr13

Também vimos a nora do museu. Todos juntos não conseguiríamos tirar água, puxando a corrente de ferro com os alcatruzes. Mas existe um mecanismo na nora, com rodas dentadas e, assim conseguimos facilmente tirar a água. É só andar à roda, empurrando uma barra. Antes de inventarem o motor, era um animal que fazia isso.

25abr14

25abr15

25abr16

25abr17
Estas invenções deram uma grande ajuda ao trabalho das pessoas.
Mas atenção! Temos de ter cuidado quando trabalhamos com elas, para não nos magoarmos.

Desporto Escolar

  Hoje passamos a manhã no campo sintético a fazer desporto.

DE1

DE2
Para além de algumas turmas do nosso Agrupamento, vieram várias turmas de outras escolas do Algarve: Loulé, Almancil, Silves para fazerem várias atividades desportivas.
Os professores de Educação Física e os alunos do Curso Profissional ajudaram a preparar as diferentes estações. Havia golfe, rugby, ténis, judo, dança, atletismo, andebol e voleibol.

DE3

DE4

DE5

DE6
As turmas não fizeram todas as atividades, pois não daria tempo. A nossa turma começou pela dança, depois fez atletismo e por fim andebol.

DE7

DE8

DE9

DE10

DE11

DE12

DE13

DE14

DE16

DE17

DE18

DE19

DE20

DE21

DE22

DE23

DE24

DE25

Este encontro terminou com a dança que a professora Marta ensinou a todos os grupos.
Por fim houve os agradecimentos à Câmara Municipal, aos professores de Educação Física, aos alunos do Curso Profissional que preparam as estações e a nós que participámos nas atividades.
Foi uma manhã bem passada!!!

DE29

De26

DE30

DE31

Nova AEC!!!

Hoje veio o professor Paulo Marcelino e quatro alunos do 10ºano de Curso de Informática mostrar-nos o programa “scratch”.

Tic3

Tic2

  Este programa tem um gato que nós podemos mover e ele pode falar, pensar e fazer outros sons, desde que nós programemos os seus movimentos e as suas ações.

Tic1

Tic4

  O professor Marcelino disse-nos também que, no próximo letivo, vai haver uma nova AEC para os alunos do 3ºano e 4ºano chama Iniciação à Programação.
Nesta AEC, para além de aprendermos a trabalhar com o programa “Scratch”, também construímos robôs e depois de fazermos a ligação entre o programa e os robôs, podemos telecomandá-los com smarphones.
A seguir fomos comandar os robôs feitos pelos alunos do 10ºano com smartphones deles. Os robôs eram parecidos com carros e tínhamos de fazer um percurso com obstáculos.

Tic5  Tic7

Tic8  Tic9

Tic10  Tic11

Tic12  Tic13

Tic14             Tic15

Tic16  Tic17

Tic18  Tic20

Tic21  Tic22

Tic19
Ficamos com vontade de nos inscrever nessa nova AEC, porque gostamos muito desta experiência.
Agradecemos ao professor Paulo e aos nossos colegas mais velhos esta aula.