Fomos novamente à serra

   Hoje fomos à serra ver os nossos sobreiros. Desta vez fomos com a Cristina, o senhor Zé e o Nuno.

   A maioria dos nossos sobreiros tinha secado. A Cristina disse-nos que isso pode acontecer por vários motivos: ou o solo não tem as características mais indicadas para os sobreiros ou tem muitas pedras que impedem que a raiz se desenvolva e o sobreiro cresça.

Alguns grupos fizeram a retancha dos sobreiros, ou seja, substituíram o sobreiro que tinha secado por outro sobreiro pequeno. Mas entretanto vimos que havia vários sobreiros nascidos espontaneamente. O senhor Zé disse-nos que esses sobreiros tinham mais possibilidades de sobreviver. Por isso, a maioria dos grupos em vez de fazer a substituição do sobreiro, adotou um sobreiro espontâneo.

serranovb1

serranovb11

serranovb10

   Os grupos cujo sobreiro estava vivo e os grupos que adotaram sobreiros espontâneos, colocaram um pouco de adubo e cavaram em volta para a terra ficar mais fofa, pois isso é benéfico para as plantas.

serranovb5

serranovb6

serranovb7

serranovb9

serranovb12

   Também medimos todos os sobreiros.

serranovb2

serranovb8

serranovb4

   Depois escolhemos um sobreiro que estava vivo e recolhemos, de três sítios diferentes em volta desse sobreiro, uma amostra do solo para levar para a Universidade do Algarve.

serranovb15

serranovb14

   Os investigadores de um laboratório da universidade estão há mais de dez anos a estudar a doença do sobreiro que é causada por um micróbio. Recentemente descobriram que uma planta do campo que se chama “mariola” não é contagiada por essa doença. Então os investigadores estão a tentar descobrir o que tem essa planta que a protege da doença e também estão a procurar criar um medicamente que cure os sobreiros ou previna o aparecimento da doença.

   Por fim, fomos ver se os abrigos que construímos da última vez que fomos à serra já tinham morcegos e verificámos que ainda não têm. É normal que assim seja, pois os morcegos não ocupam logo os abrigos que descobrem. Eles demoram algum tempo para se certificarem que é um sítio seguro.

serranovb16

   Gostamos muito desta manhã, pois aprendemos muitas coisas.

Advertisements

One thought on “Fomos novamente à serra

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s